Acordo Internacional – Aposentadoria por Idade Urbana

publicado 10 de julho de 2019 00:11, última modificação 23 de setembro de 2019 08:14

Benefício devido ao cidadão que comprovar o mínimo de 180 contribuições, além da idade mínima de 65 anos, se homem, ou 60 anos, se mulher.

Caso tenha trabalhado em país acordante cujo Acordo Internacional de  Previdência Social firmado com o Brasil tenha previsão de requerimento de aposentadoria por idade urbana, esse tempo poderá ser utilizado para o requerimento desse benefício.

Saiba mais sobre aposentadoria por idade urbana.

O atendimento deste serviço será realizado à distância, não sendo necessário o comparecimento presencial nas unidades do INSS, a não ser quando solicitado para eventual comprovação.

 

 

Quem pode utilizar esse serviço?

A pessoa que trabalhe ou tenha trabalhado vinculada à previdência social brasileira e/ou à previdência de um ou mais países que mantenha Acordo Internacional de Previdência Social com o Brasil e resida no Brasil.

 

Etapas para realização deste serviço

  1. Solicitar o benefício:

Acesse o portal do Meu INSS

– Faça login no sistema, escolha a opção Agendamentos/Requerimentos;

– Clique em “novo requerimento”, “atualizar”,  atualize os dados que achar pertinentes, e clique em “avançar”. Digite no campo “pesquisar” a palavra “acordo internacional” e selecione o serviço desejado.

O segurado será previamente comunicado nos casos em que for indispensável o atendimento presencial para comprovar alguma informação.

  1. Acompanhe o andamento pelo Meu INSS, na opção Agendamentos/Requerimentos.

 

Documentos originais necessários

  1. Procuração ou termo de representação legal, documento de identificação com foto e CPF do procurador ou representante, se houver;
  2. CPF do interessado

 

Canais de Prestação

gov.br/meuinss

Telefone 135

Aplicativo para celulares Meu INSS

 

Ficou alguma dúvida?

Em caso de dúvidas, ligue para a Central de Atendimento do INSS pelo telefone 135.

O serviço está disponível de segunda a sábado das 7h às 22h (horário de Brasília).

 

 

Assuntos relacionados