Notícias

Pará: INSS inaugura a Unidade Móvel Flutuante em Santarém, PREVBarco II, na sexta-feira (22)

A primeira viagem será para Óbidos e Oriximiná, de 7 a 26 de abril de 2019
publicado: última modificação:

O Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) inaugura a Unidade Móvel Flutuante do INSS em Santarém (PA), o PREVBarco II -PA, na sexta-feira (22), às 8 horas, na Avenida Tapajós, Orla de Santarém (PA). O PREVBarco é vinculado à Gerência-Executiva do INSS em Santarém (PA). A primeira viagem para atendimento à população do Baixo-Amazonas será no dia 7 de abril próximo para a cidade Óbidos (PA) e, em seguida, irá para Oriximiná (PA).

PREVBarco II
A unidade flutuante vai atuar no atendimento previdenciário às comunidades da região fluvial do oeste do Pará, região conhecida como Baixo-Amazonas. A embarcação denominada “Barão do Amazonas”, do tipo “navio motor fechado”, tem potência de navegação de 410 HP. Com oito tripulantes a bordo e seis servidores na equipe de atendimento, com estimativa de 1,2 mil atendimentos por viagem. Navegará pelos Rios Tapajós, Trombetas, Amazonas, Nhamundá e Xingu. O PREVBarco II possui sala de espera de atendimento com capacidade para 45 pessoas, seis balcões de atendimento, dois conveses, calado de um metro (devido à geografia dos rios amazônicos), 34,45 metros de comprimento.

Cronograma
A primeira viagem será de 7 a 26 de abril de 2019, para os municípios de Óbidos (PA) e Oriximiná (PA). A segunda viagem será de 28 de abril a 18 de maio para as cidades paraenses de Faro, Terra Santa e Juruti. Na terceira viagem, a unidade flutuante irá para Senador José Porfírio, Almeirim e Prainha, no período de 25 de maio a 19 de junho e, na quarta viagem, navegará pelo Rio Tapajós para Brasília Legal e Aveiro (PA).

Histórico
Criado em setembro de 1997, no Pará, com o nome de Posto Flutuante, o PREVBarco atende a população que vive às margens dos rios amazônicos, em municípios onde não há unidades do INSS. Nesses 21 anos de existência, o Projeto PREVBarco já atendeu mais de 600 mil ribeirinhos da região Amazônica. É o segundo PREVBarco que atuará nos rios do Pará. Em março de 2018, foi entregue o PREVBarco Belém que iniciou a navegação pelos rios da Região das Ilhas e Arquipélago do Marajó.

O PREVBarco dispõe de equipamentos de última geração para navegabilidade e estrutura completa de atendimento, o que possibilita que os segurados recebam os mesmos serviços de uma agência fixa do INSS. O público de maior demanda é formado pelos segurados especiais, que são trabalhadores rurais que produzem em regime de economia familiar, sem utilização de mão de obra assalariada. Estão incluídos nesta categoria cônjuges, companheiros e filhos maiores de 16 anos que trabalham com a família em atividade rural.

Também são considerados segurados especiais o pescador artesanal e o indígena que exerce atividade rural e seus familiares. Além do público previdenciário, o INSS também atende a uma parcela da população abrangida pelo direito aos benefícios assistenciais previstos na Lei Orgânica da Assistência Social (LOAS), que destina o pagamento de um salário mínimo a idosos com mais de 65 anos e a portadores de deficiência de baixa renda, promovendo a inclusão social.

Informações para a Imprensa:

Rosangela Merabet
Seção de Comunicação do INSS no Pará
(91) 3216-5177